chevron_left Voltar

Demanda por água potável pode crescer 70% no Brasil até 2040, aponta estudo

Aquecimento global, crescimento do país, desperdício e degradação de recursos naturais tendem a aumentar a necessidade de água no país Um estudo publicado pelo Instituto Trata Brasil acaba de acender mais um alerta para o Brasil no que diz respeito ao cuidado com o meio ambiente. De acordo com os cenários simulados pela pesquisa, há […]

Aquecimento global, crescimento do país, desperdício e degradação de recursos naturais tendem a aumentar a necessidade de água no país

Um estudo publicado pelo Instituto Trata Brasil acaba de acender mais um alerta para o Brasil no que diz respeito ao cuidado com o meio ambiente. De acordo com os cenários simulados pela pesquisa, há uma grande probabilidade da demanda por água potável no país crescer até 70%% até 2040. 

Para chegar a esse resultado, foram levados em consideração diversos fatores que podem influenciar nessa necessidade nos próximos anos. Considerando apenas a expansão demográfica e econômica do país (diversos estudos já mostraram que, quanto maior o crescimento econômico, maior a demanda de água), o aumento da demanda já seria grande, de cerca de 43,5%. Porém, fatores como as ineficiências do sistema atual e as mudanças climáticas elevariam essa demanda para até 70%.

Desafios para o futuro

Independentemente do cenário, com mais ou menos crescimento econômico, o país terá um grande desafio pela frente. Além de evitar o grande desperdício e as falhas no sistema, será necessário um grande investimento no setor hídrico. 

“Para atender a demanda incremental da água necessária à expansão demográfica, crescimento econômico e pelas necessidades da universalização do abastecimento, as cidades e o setor de saneamento terão que dar respostas. Para não pressionar demais os recursos hídricos, serão necessários altos investimentos em reservação, tratamento dos esgotos e na redução das perdas, com troca de redes e eficiência na distribuição de água potável. E teremos que monitorar com atenção as áreas em que o aquecimento global pode provocar menos chuvas e ainda mais escassez desses recursos”, aponta em comunicado à imprensa Édison Carlos, presidente do Instituto Trata Brasil.

Degradação do meio ambiente pode piorar a situação

Essa demanda crescente pode ser ainda pior, considerando que o Brasil é um país que cada vez mais degrada seus recursos naturais e destrói o meio ambiente. Em entrevista ao portal Sputnik, o engenheiro sanitarista e professor da UERJ Adacto Ottoni salientou os perigos desse cenário.

“Ao mesmo tempo que a demanda por água está aumentando no Brasil, os mananciais de água que vão sustentar esse abastecimento de água estão, de forma oposta, sendo cada vez mais degradados”, alerta. Para o especialista, apenas políticas públicas sustentáveis podem evitar um colapso do sistema de abastecimento de água do país.

chevron_left Voltar